Projecto LEAD, da Universidade de Coimbra vence o 13º Concurso Nacional de Ideias da ANJE

O projecto LEAD, desenvolvido no laboratório de química farmacêutica da Universidade de Coimbra vence o 13º Concurso Nacional de Ideias de organizado pela ANJE.

Após ter arrecadado o prémio de melhor proposta de valor no âmbito do Curso de Empreendedorismo de Base Tecnológico, organizado pela Universidade de Coimbra, Aveiro e Beira Interior, após ter recebido dois prémios no âmbito do concurso Arrisca Coimbra’09, o projecto LEAD arrecada agora um prémio de âmbito nacional.

O Projecto visa o desenvolvimento e valorização de novos compostos derivados da betulina e do ácido betulínico que apresentam um elevado potencial para o tratamento de diversos tipos de cancro, entre os quais se destacam: leucemia (Jurkat), hepatoma (HepG2), adenocarcinoma do cólon (HT-29), adenocarcinoma cervical (HeLa), adenocarcinoma da próstata (PC-3, LNCaP, LAPC4), adenocarcinoma da mama (MCF-7), melanoma (A-370), carcinoma do pâncreas (MIA PaCa-2) e neuroblastoma (SH-SY5Y). Estes compostos representam uma tecnologia de ponta e muito promissora na área da biotecnologia, design e desenvolvimento de fármacos desenvolvida nos Laboratórios de Química Farmacêutica da Universidade de Coimbra.

Em relação aos tratamentos existentes, os compostos desenvolvidos prometem ser mais eficazes no tratamento do cancro, permitir um  maior controlo da posologia e, simultaneamente, apresentar menores efeitos secundários. O principal objectivo do projecto é validar a tecnologia até à fase II dos testes clínicos, estando depois prevista a sua venda a uma empresa farmacêutica com capacidade para realizar as restantes fases de testes. De notar que, o projecto LEAD tem a exclusividade para produzir e comercializar estes compostos que se encontram protegidos por um pedido provisório de patente.

Veja aqui a apresentação do projecto ao  concurso Arrisca Coimbra’09

Excepcionalmente em 2009, o júri seleccionou 3 ideias vencedoras. O referido projecto LEAD, o projecto Fisiomóvel de Leiria e o projecto Rádio Infantil de Rio de Mouro.

Miguel Dias Gonçalves

Gestor de Projetos na Divisão de Inovação e Transferências do Saber da Universidade de Coimbra

More Posts - Website - LinkedIn

Author: Miguel Dias Gonçalves

Gestor de Projetos na Divisão de Inovação e Transferências do Saber da Universidade de Coimbra

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *