>

Coworking

Com o aumento do número de freelancers e de pequenas startups, surgiu uma nova necessidade em termos de espaços de trabalho. Cada vez mais o portátil é a única ferramenta destas empresas, mas trabalhar a partir de casa não é uma...

Com o aumento do número de freelancers e de pequenas startups, surgiu uma nova necessidade em termos de espaços de trabalho. Cada vez mais o portátil é a única ferramenta destas empresas, mas trabalhar a partir de casa não é uma alternativa desejável. Criou-se então o conceito de coworking, baseado na partilha do mesmo espaço por freelancers e startups.

Mas a partilha apenas do espaço não é novidade e neste caso a redução de custos não é a única vantagem. Do artigo They’re Working on Their Own, Just Side by Side do New York Times:

“We could get our own office with 800 square feet and spend the same money,” Mr. Messina said, “or we can be here, and have a space where people can come and work and have meet-ups that serve the community, and it gives us the opportunity to meet some fascinating people.”

O efeito de sinergia aqui é o elemento principal. Colaborações entre empresas surgem espontâneamente. O espaço em si torna-se uma desculpa para a realização de pequenos eventos como sessões de brainstorm ou unconferences.

Coworking também traz as suas desvantagens e não funciona para todas as pessoas. No entanto, a nova geração de empreendedores cada vez mais possui a mentalidade aberta e a cultura correcta para este tipo de espaços funcionar.

Já existem espaços de coworking espalhados por todo o mundo. Entre os mais famosos encontram-se o Hat Factory e o Citizen Space, ambos em São Francisco, nos Estados Unidos. Um preço mensal por secretária é o modelo mais comum para quem pretende usufruir de um espaço destes, mas vários permitem visitas pontuais para um pouco de coworking (sem custos).

Em Portugal, abertos ao público em geral, existem pelo menos 3 espaços. No Porto existem o Hub Porto que reproduz o conceito Hub presente em várias cidades internacionais. Ainda por arrancar existe o espaço Cowork Lisboa. E é também na capital que existe o espaço Liberdade 229 (ver foto), que  conta com empresas de áreas como desenvolvimento web, organização de eventos e tradução.

Sérgio Santos

Programador no Bloco, importa revistas no departamento.co e organiza os Coimbra Startup Meetups.

More Posts - Website - Twitter - Facebook - LinkedIn

Partilhe:

18 Janeiro 2010 | Sérgio Santos